NOTÍCIAS


Associados
 

2018-05-17

Aeroportos portugueses ultrapassam 15 milhões de passageiros nos primeiros quatro meses


Os dados a que o PressTUR teve acesso indicam que esse crescimento de passageiros foi mesmo mais forte que o aumento do número de voos (chegadas e partidas), que foi e 6,9% ou cerca de 7,7 mil, totalizando 119,1 mil.

Também em movimentos o crescimento foi impulsionado pelos aumentos em Lisboa, que tem sido dado como esgotado, mas que foi mesmo o que teve o aumento mais forte do período, em 11,5% ou cerca de 6,6 mil, somando 64.489.

O segundo maior aumento ocorreu no Porto, com +7,8% ou mais perto de dois mil, atingindo um total de 27.112.

Já Faro, Funchal e Ponta Delgada tiveram menos movimentos que há um ano, registando quedas respectivamente em1,1%, para 11.851, em 7%, para 7.280, e em 4,5%, para 5.026.

Assim, o Aeroporto de Lisboa concentrou no primeiro quadrimestre deste ano 54,1% dos voos de/para Portugal, +2,2 pontos que no período homólogo de 2017, e o Porto concentrou 22,8%, em alta de 0,2 pontos.

Já Faro teve um decréscimo de 0,8 pontos, para 9,9%, o Funchal baixou 0,9 pontos, para 6,1%, e Ponta Delgada decresceu 0,5 pontos, para 4,2%.

A evolução do número de movimentos é, no entanto, um indicador que define pouco, pois um aeroporto pode ter mais movimentos e menos passageiros, ou vice-versa, porque foi servido por aviões menores ou maiores.


Fonte:
Presstur 17-05-2018